Todos os poemas aqui postados são de autoria de Ineifran Varão

TODOS OS POEMAS AQUI POSTADOS SÃO DE AUTORIA DE INEIFRAN VARÃO

Este blog é exclusivamente para postagem do moderníssimo varano, estilo de poema criado por Ineifran Varão, cujas regras e orientações estão disponíveis para todos os poetas que desejarem praticá-lo.

domingo, 29 de novembro de 2015

PINTURA (um poema varano)



Pintei-te nua
À luz da lua...
Tu estavas linda,
Lembro-me ainda
...Tua pele clara!

O vento leve
Trazia um breve
Fino frescor
E tu, qual flor
...Nem bem notara!

A vela em chama
Ornava a trama;
E tu luzias
E nem sabias
...Que eras tão cara!

Assim pintei-te,
Puro deleite,
Que, em preto e branco,
Foi porto-franco
...Da minha igara!

Mas... Foi-se o tempo...
E o passatempo,
Sem piedade,
Virou saudade
...Dor que não sara!

terça-feira, 13 de outubro de 2015

BE FRIEND, MY DEAR!


We’re not alone
They’re flesh and bone
Live on the Moon!
As fast as soon
…They can be here!

Don’t be afraid
Give them an aid
If they ask you!
Miles they flew
…And that is clear!

I hope they come
One, many, or some
To exchange their knowledge
As if in college
…Not to make fear!

Millions of years
On guts and fears
We’ve lived on Earth…
Here is our birth
…Be friend, my dear!

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

INGRATIDÃO


“A ingratidão
Tira a afeição”
Diz o ditado
Tão bem bolado
...Em nossa língua!

O ser humano
Comete engano...
Cospe no prato
Em um torpe ato
...E morre à míngua!