Todos os poemas aqui postados são de autoria de Ineifran Varão

TODOS OS POEMAS AQUI POSTADOS SÃO DE AUTORIA DE INEIFRAN VARÃO

Este blog é exclusivamente para postagem do moderníssimo varano, estilo de poema criado por Ineifran Varão, cujas regras e orientações estão disponíveis para todos os poetas que desejarem praticá-lo.

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

UM 'CAUSO' DE PAPEL PASSADO


Fiz um rabisco
Mas o chuvisco
Molhou o papel
Era um cordel
... Muito engraçado!

Foi pra lixeira
A brincadeira...
Mas, um gari
Esteve ali
... Ficou intrigado!

Leu o escrito
Soltou um grito!
(Eu rabisquei
O que joguei!)
... Foi premiado!

Gari, que é povo,
Achou o ‘ovo’!
Dos meus pecados
Aqui guardados
... Fui perdoado!
  
No outro dia
Com alegria
No meu portão
Tinha um milhão
... A mim doado!

Comemorei!
Cantei, dancei...
Chamei a Noca
Que fez pipoca
... Papel passado!

Milhão cresceu
Espigas deu
E hoje alimenta
Mais de cinquenta
... No meu roçado!